11 de janeiro de 2014 Felipe

Como dobrei o número de seguidores no meu Instagram em um dia

Se você veio atrás de alguma fórmula mágica, sinto lhe decepcionar. Só queria contar uma pequena felicidade da vida online. Seguimos.

Ontem recebi um e-mail do Instagram dizendo que eu estava figurando na lista de Usuários Sugeridos da rede. Segue um trecho:

Estar na Lista de Usuários Sugeridos significa que adoramos sua conta e vemos você como um modelo para o Instagram. Esperamos que durante seu período como usuário sugerido você possa mostrar a outros usuários, novos e antigos, não apenas suas belas fotos mas também como ser um incrível membro da comunidade. Lembre-se disso durante seu período de destaque, quando ganhar milhares de novos seguidores.

Não sei se o Instagram fala isso pra todo mundo, mas olha, eu caí na lábia. Este escriba está deveras orgulhoso com esse pequeno reconhecimento. Pra quem era completamente cético em relação à plataforma, esta figuração é a prova de que tudo muda na vida. Depois que achei meu nicho e comecei a seguir as pessoas que contam boas histórias, o Instagram tornou-se uma das minhas redes preferidas.

Além disso, eu fico feliz em ver que ali é um registro da minha evolução como fotógrafo, embora ainda ache muita pretensão dizer que sou um. Independente do meio: 5D, GoPro ou celular, cada dia aprendo um pouquinho mais e a fotografia me ajudou inclusive a ser menos tímido e mais destemido, o que é sempre bom.

E vou dizer, estar na lista de sugestões do Instagram realmente funciona. Apesar de não me importar muito com esses números, nessas pouco mais de 24 horas, saltei de 424 seguidores para mais de 940. Muitos são novos na rede, com poucas fotos compartilhadas. Espero que minhas fotos sirvam de inspiração para que eles engrenem por lá. Do lado de cá, é engraçado ver este número aumentar sempre que abro o aplicativo e ainda um pouco estranho compartilhar o que vejo com pessoas que não sei quem são. Mas a gente acostuma!

Se quiser me seguir por lá, é só procurar por @felipemenhem.

Obrigado, amigos!

, , ,

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Comment (1)

  1. Gabi

    Amei o insta assim que entrei. Fui convencida por ser fotografa e resisti ao formato quadrado tudo que pude, mas hj encaro como uma nova mídia. Posto o que fica bom nesse formato. A plataforma simples e (nem tão) agil, hoje nos permite edições “avançadas” nas fotos mas não nos permite permissões básicas como: gerenciar conta pessoa e empresa do mesmo usuário (pelo menos já que 2 contas não podem). Se quero a mesmo imagem em 2 contas postadas simultaneamente ferrou!! Tenho que fazer tudo 2 x na rua. Desisto na hora. Gerenciar nossa conta de onde eu bem entender também é uma coisa que me frusta, hora estou no note, hora no celular, hora na tablet. Nem o software é adaptado para a tablet. Isso gera fotos bizarras, já que sou fotógrafa e valorizo isso. Mesmo nascendo e crescendo para smartphone, deveria poder escolher por onde eu gerencio e como faço isso, já que posso escolher o efeito, a iluminação, a nitidez, a edição em geral. Não me obrigando a logar e deslogar para postar uma foto, ou ter que postar 2 x a mesma coisa em contas diferentes. Ver o feed de duas contas é o que menos me interessa (sendo que pra isso há vários apps disponíveis) poder postar para públicos diferentes sim! Gostaria de um comentário que estou errada e atrasada =) Mas acredito que não 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *