22 de julho de 2010 Felipe

Leãozinho

[singlepic id=55 w=320 h=240 float=left]Numa boa, depois de mais um papelão de Emerson Leão, só consigo pensar uma coisa: O tempo dele já passou. Pior, ele é clichê.

Todo clube é a mesma coisa, uma briguinha com os jogadores, uma cutucada na imprensa e um quebra pau no estádio. A parte do quebra pau geralmente nasce de uma reclamação contra a arbitragem e acaba aumentando. Normal e patético.

Fosse machão e um homem de fibra, Leão já teria pedido as contas, largando esse stress (e essa necessidade de ceninha) que o futebol lhe proporciona.

, ,

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *