16 de junho de 2010 Felipe

Boletim da Copa #2

Vou ser honesto, o Chile fez o melhor jogo da Copa até agora. A quantidade de peladas de sábado pra cá foi impressionante, incluindo o jogo do Brasil. O primeiro tempo do nosso jogo contra a Coreia do Norte foi de uma apatia de dar medo. E acho que esse vai ser o sentimento até o fim, um time sem graça, meio sem cor, jogando pelo resultado.

Ainda pela primeira rodada, a Espanha, além de complicar minha vida em um bolão, foi a grande decepção e não fiquei tão impressionado com a performance da Alemanha.

Se a tônica da segunda rodada for Uruguai e África do Sul, podemos prever jogos melhores. A derrota dos bafanas também me complicou no bolão e ainda decretou o fim da caminhada sulafricana na competição. Triste porque sempre é legal ver os times africanos em Copas. Mas será uma coisa boa, caso signifique a diminuição de vuvuzelas nos estádios.

, , , , ,

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *