24 de setembro de 2009 Felipe

Aviões

O quadro “Cilada” da semana retrasada conseguiu resumir tudo que muita gente deve pensar sobre aviões. Morri de rir com duas situações: quando ele cita “as conversas inúteis dos comandantes”, o que é a mais pura verdade, e sobre o inglês macarrônico de alguns tripulantes.

Sobre a primeira observação, quando fui para Vitória prestigiar o casamento de Gabriel e Lelê, o comandante falou longamente sobre todas as condições de voo. Não satisfeito, resolveu também explicar como edescobriu que o aeroporto da capital capixaba tinha mudado de nome. Um porre.

Quanto ao inglês, o melhor exemplo (inverso) foi em um voo da Finnair de Londres para Helsinque, na Finlândia. O comandante falou a mesma piada em sueco, finlandês e inglês. Como eu sei? Simples, finlandeses e estrangeiros riram da piada, quando ele contou nos diferentes idiomas. Incrível!

, ,

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Comment (1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *