25 de maio de 2009 Felipe

A volta de Helio Castroneves

Helinho deu a volta por cima. Acusado de evasão de divisas e sonegação de impostos nos Estados Unidos, poderia passar os próximo 35 anos de sua vida atrás das grades. Durante os trâmites jurídicos, sua equipe cedeu seu lugar à outro piloto. Ele, sua irmã e advogado foram inocentados e no fim de semana seguinte Helinho já estava de volta ao cockpit.

Veio maio, mês da tradicional 500 milhas de Indianapólis. O piloto cravou a pole e venceu a corrida, pela terceira vez. Não nos cabe falar se ele é culpado ou inocente em suas acusações. Embora estivesse torcendo pelo Tony Kanaan, fiquei feliz em ver a emoção do Helio em sua entrevista após a prova. Um choro digno de quem passou por um stress tremendo, chegou no fundo do poço e conseguiu sair.

,

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Comment (1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *