23 de novembro de 2008 Felipe

A Globo e o Bruno Senna

Não imaginava que a Globo faria tamanho frisson com o “vestibular” de Bruno Senna, sobrinho de Ayrton Senna, na Honda. As matérias no Jornal Nacional durante a semana e hoje, durante o Esporte Espetacular, comprovaram isso.

Pra começar, sou fã confesso do Senna, o Ayrton. Mas me enche o saco, ele ser chamado por “inenarrável”, “mito”, “inesquecível” etc. O cara foi muito bom, mas isso não significa que Bruno seja tão bom quanto. E talvez a mídia tenha esquecido disso. Currículo por currículo, o de Lucas di Grassi é muito mais robusto. Mas nenhum di Grassi sequer correu na Fórmula 1. Nos testes, ele foi pior que Bruno Senna, e torço para que a Honda leve em conta somente critérios técnicos para a escolha.

Indo bem ou não, Bruno Senna pode ficar tranquilo. A cobrança da imprensa brasileira vai ser diretamente proporcional com a paciência. Pelo menos serve pra isso ser sobrinho de Ayrton e filho da Viviane Senna.

Aliás, a Globo deveria tirar o cavalinho da chuva. Não adianta falar que o Brasil será representado por quatro pilotos em 2009: Massa, Piquet, Barrichello e Senna. Ando apostando minhas fichas na hipótese do Rubinho, infelizmente, ficar a pé no ano que vem.

, , , , , ,

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Comments (2)

  1. Rodrigo Volek

    Concordo com você, mas uma coisa tem que ser dita, Bruno Senna nunca vai será o tio, mas ele é diferenciado, tanto é que foi melhor que Di Grassi que já vinha testando com a Renault e bateu tbm em Nelsinho Piquet, eu espero coisas boas desse rapaz na F-1, pena que o Barrichello estaja saindo pela porta dos fundos, ele merecia mais respeito e eu acho que ele ainda tem categoria pra ficar mais tempo na F-1.

  2. Ju

    hahahaha…só vc mesmo pra por uma “senha” pra deixar recado!
    ô rapaz, bom rever seu sempre interessante blog.
    Agora cismei de entrar nessa de bloguear tb.
    Qdo quiser passa por lá.
    BJu e fique em paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *