13 de outubro de 2004 Felipe

Asfalto

Pela primeira vez, dirigi todos os 360km até Arantina, além do percurso de volta. Pra minha surpresa, o carro se comportou muito bem, mesmo cheio e com o ar-condicionado ligado. O consumo com álcool também foi razoável, 10.2km/l em média. O complicado é dirigir quatro horas num carro sem som e aturar as crateras da estrada, principalmente na BR-267, que liga a 040 na Via Dutra. Por sorte, conseguimos passar com os pneus e molas ilesos.

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *