1 de fevereiro de 2010 Felipe

John Mayer, o bobo

Sabe aquelas pessoas que de tão sinceras ficam idiotas? Pois é, John Mayer acaba de entrar nessa lista. Ele foi matéria de capa da edição de fevereiro da Rolling Stone americana. Antes, vale registrar que sou fã do seu trabalho e que deve ser legal tocar com ele. Já li algumas coisas muito bacanas escritas por ele, especialmente a relação entre paparazzi e artistas. Mas nas seis páginas de “The dirt mind and lonely heart of John Mayer“, John é tão honesto que em alguns trechos suas “verdades” caem no campo das bobagens ou do papel de vítima.

Primeiro a sinceridade, ao afirmar que fica incomodado com as pessoas que o fazem furar a fila do restaurante ou do banheiro. Ele acredita que “Continuum” é seu melhor disco e não o mais recente, “Battle Studies” e que seus recentes sonhos eróticos sempre envolvem uma mulher e um paparazzi. Mas ai ele podia parar ai, mas não, resolve continuar: “Estou procurando a Joshua Tree* das vaginas, mas enquanto isso é melhor transar com as garotas que já transei. Só para não precisar explicar que o John Mayer está interessado nelas”.

De música mesmo, a entrevista praticamente não fala. E descontruindo o lado pessoal do rapaz, vemos um sujeito até comum, só que com fixação em falar bobagem: Filmes de sacanagem, masturbação, falos e por ai vai.

Assim que a revista saiu, John, através do Twitter, conseguiu resumir bem o sentimento de muita gente (inclusive da fã-mor, a Carol) após ler a entrevista.

Just read my Rolling Stone cover article. I’m still not sure if I would want to hang out with me. – link

Talvez seja mais ou menos por ai. A exposição acaba detonando o mito que os fãs e admiradores tem. Pessoalmente, fiquei na mesma. Tirando a maconha e o remédio pra dormir, ele deve ser uma bela companhia pra jogar Call of Duty de madrugada.

* Fazendo referência ao disco definitivo do U2.

,

Comments (3)

  1. Carol

    Então, assim como antes de ler a entrevista, sou fã da música do John-John… e não nego que ele “brincando” com sua guitarra é algo altamente erótico!

    Mas… depois de ler essa tal entrevista, so pensei em uma coisa: ele precisa de uma pilha de roupas para lavar e passar!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *