3 de abril de 2004 Felipe

Psico-procto-neurolinguistica

As quedas de luz começam a fazer parte da nossa rotina profissional na sexta. Ontem aconteceu por volta das 15h e dessa vez em quase todo o bairro Cruzeiro. Dureza foi ouvir da nova vizinha se a culpa da falta de luz era nossa.

Falando em nova vizinha, já vimos que se trata de uma mala. Ela comprou cinco salas no fundo do prédio para montar sua empresa de neurolinguística e crescimento pessoal (segurando para não fazer piada com isso). Toda vez que alguém da agência aparece no corredor, a figura começa a falar das maravilhas dos seus cursos. Ontem porém, foi o cúmulo. Disse que, além dos cursos supracitados, ela dá aulas de pompoarismo para as mulheres e de sexualidade pro homens, “A ciência de fazer amor”, que é um sucesso. Ainda nos disse ser a única mulher no Brasil a ministrar esse tipo de curso para o público masculino e ainda convidou a gente para participar do evento.
O pior que nem fone de ouvido adianta para aturar o papo e a barulheira das obras durante toda tarde.

Felipe

Jornalista mineiro que mora em São Paulo. Interessado em fotografia, comunicação, esportes, música, mobilidade e bicicletas.

Comments (4)

  1. wilkie

    Eu iria na aula de sexualidade, porque não? Tudo que se refere ao universo feminino é válido. Porque não tentar e melhorar os relacionamentos? Onde é mesmo que vc trabalha?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *